Phishing, cuidado com as armadilhas da rede virtual


Postado por: Explay

Na era da informação, nada mais importante do que proteger os dados pessoais. Ainda mais com a evolução da fraude eletrônica chamada “Phishing” (do inglês, fishing – pescaria), que é cada vez mais presente na internet. Trata-se da tentativa de se apropriar de dados de uma pessoa para diversos fins, como abrir uma conta bancária, usar o cartão de crédito, ter acesso a uma conta de e-mail ou site, ou ainda alojar um vírus na máquina da vítima.

Os meios mais comuns em que o phishing é aplicado são: através de e-mails com assuntos que difamem a pessoa ou de astros famosos nus; por cadastros em endereços ou e-mail que imitam sites de empresas íntegras; pelo download de arquivos que supostamente são necessários para acessar algo, como a conta bancária do usuário. Ainda há o phishing que implanta um vírus ou malware no celular da vítima através de download de aplicativos ou jogos.

Big Brother Is Watching You


O phishing também é comum nas redes sociais. O jornal britânico “The Guardian” divulgou uma lista dos assuntos que mais fisgam os internautas no Facebook. Esse top 10 mostra a porcentagem de usuários que caem na fraude pelo desejo de descobrirem dados sobre amigos que a rede social não revela. Confira as formas mais usadas para o phishing:

(o1) Tabela-01

Uma forma de se proteger do phishing é atualizar sempre o sistema operacional e o antivírus, e manter um firewall ligado. Além de, usar o bom senso ou de pesquisar na internet sobre algum tema de e-mail ou aplicativo que sejam suspeitos.