17.04.2019

Um olhar sobre a Realidade Virtual e gestão de crise em empresas

Saiba como a tecnologia de realidade virtual auxilia empresas de diversos segmentos a prevenir crises e a contribuir à comunidade local.

Embaixador e diretor geral do Grupo Qualitat no Brasil, Roberto Roche foi o convidado de Daniel Filla na última edição de março do programa Instante Digital, veiculado pela Band Paraná aos sábados. General Manager em QSMS-RS e Sustentabilidade e consultor com mais de 35 anos de experiência no exterior, Roche conta como a tecnologia de realidade virtual se torna grande aliada de empresas – bem como seus colaboradores – do pequeno porte às multinacionais.

Realidade virtual e capacitação de profissionais a nível global

O gestor, que recentemente palestrou em Antofagasta, Chile, sobre gestão de riscos corporativos e os impactos ambientais no segmento de mineração, explica a capacidade onipresente da tecnologia e sua eficiência na preparação de pessoas. Já aplicada no país latino-americano, a realidade de virtual torna profissionais aptos a executar trabalhos com maior segurança e assertividade em tempo real. “Atualmente, qualquer pessoa que deseje trabalhar em uma loja pequena ou indústria global passa por um centro de treinamento para validação por meio da realidade virtual”, conta Roche. De acordo com ele, a realidade virtual é uma ferramenta eficiente que permite gestores a validarem a capacidade de seus colaboradores ao vivo, de forma 100% interativa, observando suas respectivas tomadas de decisões e, também, a reavaliar possíveis processos internos a qualquer momento.

Acidente em Brumadinho

Empresas que possuem altos riscos de acidentes de trabalho, como indústrias ou fábricas, por exemplo, preocupam-se com a QSMS-RS (ou seja, a Qualidade, Segurança, Meio Ambiente, Saúde e Responsabilidade Social). Roche menciona o caso do rompimento da barragem de Brumadinho, Minas Gerais, como uma grande falha em QSMS-RS e afirma que a realidade virtual poderia ter evitado o impacto do acidente na comunidade local e natureza. Segundo ele, “acidentes mandam avisos, sinais, e a tecnologia ajuda a detectá-los”, diz. “A partir do momento de quase-acidente (ou aviso do que pode acontecer), deve-se mitigar esses dados antes de um acidente fatal. Quando há a padronização de dados, é mais fácil de prever o que pode acontecer.”

Veja a edição do programa Instante Digital na íntegra:

Quer saber mais detalhes de como a realidade virtual pode trazer total eficácia às empresas na prevenção de crises? Clique no player abaixo e confira a entrevista com Roberto Roche:

 

Sobre o Instante Digital

O Instante Digital é um programa exclusivo da emissora Band Paraná em parceria com a Agência Digital Explay. Veiculado aos sábados, o programa é apresentado por Daniel Filla e conta com a participação de importantes nomes do segmento de comunicação e tecnologia.

 

Não deixe de acompanhar as redes sociais da Agência Digital Explay e fique por dentro das novidades e inovações do Marketing Digital.

 

Facebook | Instagram | LinkedIn